Que meios de pagamento alternativos deve oferecer? Uma checklist com cinco passos.

Prepare a sua estratégia de meios de pagamento alternativos com a nossa checklist com cinco passos.

Os meios de pagamento alternativos (MPA) estão a ganhar popularidade entre os clientes. Na Europa, 80% dos consumidores esperam ter a opção de pagar com outro meio de pagamento além dos cartões. O mesmo acontece na Ásia-Pacífico, onde 94% dos consumidores vão considerar usar outros MPA durante 2022. E no Médio Oriente (MENA), espera-se que as carteiras digitais sejam brevemente o meio preferido de pagar..

À medida que a procura por outros MPA cresce, é preciso ter uma estratégia para implementar os meios certos, nos mercados certos, no momento certo. Estas são cinco maneiras de se certificar de que está a oferecer os meios de pagamento alternativos de que os seus clientes precisam.

1. Baseie-se nos conhecimentos locais

As preferências dos consumidores variam de um país para o outro relativamente ao MPA preferido. As empresas precisam de incorporar conhecimentos locais e insights para oferecer aos seus clientes o meio de pagamento adequado a determinada região.

aos seus clientes o meio de pagamento adequado a determinada região. ,[object Object],Mesmo países da mesma região podem ter grandes diferenças nas preferências de pagamento dos consumidores. Por exemplo, ina Polónia, os clientes querem pagar com Przelewy24 Enquanto nos Países Baixos, a forma mais popular de pagar é com iDEAL. No MENA, o Qpay é muito usado no Qatar mas não no Egito, onde o Fawry é um dos meios de pagamento mais populares.

E isto é só à superfície. Porque mesmo dentro de países, há nuances demográficas e geográficas que nem sempre são claras à primeira vista. É por isso que as empresas devem aproveitar os seus recursos e os conhecimentos especializados locais dos seus prestadores de pagamento tanto quanto possível para aceder a estes dados.

2. Considere o sector do seu negócio

Oferecer o meio de pagamento adequado não requer uma abordagem uniformizada. Cada empresa terá de considerar a indústria em que se insere, e respetivas necessidades e clientes, para identificar as opções que melhor se adequem.

Por exemplo, uma empresa que recebe múltiplas transações de baixo valor estará principalmente preocupada com o custo por transação , porque trabalham com margens baixas – mesmo um ligeiro aumento no custo da transação pode impactar negativamente os lucros. Portanto, estas empresas devem oferecer e incentivar os clientes a utilizar meios de pagamento que sejam economicamente mais viáveis e que apresentem maior probabilidade de sucesso, como por exemplo o débito direto.

Em comparação, as taxas de transação buy now, pay later (BNPL) tendem a ser mais elevadas. No entanto, os retalhistas que ofereceram aos seus clientes a opção de BNPL tiveram um aumento de 50 a 200% em unidades por transação. Por isso é importante fazer as contas para saber se esta é ou não uma opção de pagamento que faz sentido para o seu negócio e para sua estratégia de vendas.

Há outras variáveis que também devem ser consideradas. Veja-se um negócio de subscrição, por exemplo. Embora seja possível ter taxas de conversão mais elevadas ao oferecer determinado meio de pagamento, os negócios alimentam-se de receitas recorrentes, e se esse meio de pagamento acabar por levar a uma taxa de rotatividade maior, então provavelmente não é o mais adequado.

3. Seja diligente

O sector dos meios de pagamento muda muito rapidamente à medida que entram em cena players inovadores. Fique atento às futuras tendências nos pagamentos e esteja pronto para mudar quando os dados o recomendam.

No entanto, tenha sempre em mente o porquê de querer oferecer um novo meio de pagamento. Quer esteja a usá-lo para chegar a um novo mercado ou porque quer impelir a sua atual base de clientes a gastar mais, um objetivo claro irá ajudá-lo a não acrescentar meios desnecessariamente.

E lembre-se que simplesmente ter mais variedade de oferta não é a solução para os MPA – ninguém se quer deparar com 20 opções diferentes durante o checkout. Ajustar a sua estratégia para incluir um novo meio de pagamento poderá significar remover da sua oferta um que já não o beneficia.

4. Centre-se nas expectativas dos clientes

Os seus objetivos de negócio são importantes quando está a desenvolver uma estratégia de MPA. No entanto, em última análise, é às expectativas dos seus clientes que deve dar prioridade. O seu objetivo deve ser que o pagamento seja tão conveniente quanto possível.

Para alguns dos seus clientes, o BNPL permite-lhes gastar mais e fasear os pagamentos em prestações menores. Para outros, os programas de fidelização oferecidos pela Alipay proporcionam um incentivo para pagar online por produtos de consumo diário. E, se o seu principal canal de vendas é em dispositivos móveis, então as carteiras digitais oferecem aos clientes a experiência de checkout mais fluída.

A personalização digital no comércio eletrónico poderia apresentar-se como uma oportunidade para os retalhistas de até 2,9 biliões de dólares nos próximos dez anos. A personalização da experiência de compra end-to-end inclui os meios de pagamento que tem à disposição. Os MPA devem ser considerados parte integral de quaisquer planos para inovar ou desenvolver novos modelos de negócio.

5. Aceda aos dados e tome decisões mais inteligentes

Quer esteja a questionar-se quais são os MPA que os seus clientes mais usam, quais são os mais adequados para o que está a vender, ou quanto cada um vai custar, a resposta está nos dados.

Quer esteja a questionar-se quais são os MPA que os seus clientes mais usam, quais são os mais adequados para o que está a vender, ou quanto cada um vai custar, a resposta está nos dados.

Em primeiro lugar, considere os dados de mercado para compreender as preferências de pagamento, os parâmetros de referência do sector e os custos comparativos de diversos MPA. Em segundo lugar, aproveite os seus dados internos – ou seja, o que lhe dizem as transações que passam pelo seu negócio?

E, se o seu negócio puder ter todos os seus MPA a funcionar a partir de uma só API unificada, então vai dar-se ao luxo de usufruir de uma visão consolidada de todos os dados e da ferramenta adequada para traduzir a informação em ações.

Leia o nosso guia para saber mais sobre meios de pagamento alternativos e como pode desenvolver a melhor estratégia para o seu negócio oferecendo os meios que os consumidores querem, tanto hoje como amanhã.

Fique a par de todas as novidades relativas a pagamentos

Escrito na 02/11/2021 por

author image

Checkout.com

Fique a par de todas as novidades relativas a pagamentos